Uma breve explicação

Para quem segue o blogue sabe que desde Novembro tenho garantido uma publicação todas as segundas-feiras. Durante o ano passado devido à pandemia consegui ter um ano mais tranquilo. Tive um ano em que consegui tomar o pulso em muita coisa que sentia que se estava a escapar por entre os dedos. Apesar de tudo o que aconteceu de negativo no mundo (uma pandemia, muitas mortes, muita desgraça, etc), o saldo de 2020 foi positivo. 2021 começou com a mesma energia de 2020 (talvez devido à vaga do início do ano), mas em Abril, por motivos profissionais, a minha vida começou a ficar mais complexa. Estou numa fase em que estou com imenso trabalho, não tenho tempo para nada, qualquer evento a nível pessoal por mais pequeno que seja implica uma organização tremenda para não faltar com o trabalho. Amo sentir-me produtiva, apesar de cansada estou a adorar, mas a verdade é que só tenho tempo para trabalhar. Quando termino o trabalho por volta das 22h (quando já comecei a trabalhar às 06h30) só consigo tomar banho e ir para a cama. Não tenho tempo nem inspiração (se há alguém que consiga ter criatividade quando está de rastos que avise) para vir aqui com a frequência que outros tempos.

Algumas das publicações que estão a sair já estavam escritas e agendadas. Quando conseguir encontrar tempo vou tentar encaixar outros no meio, como este que estou a escrever só para dar uma explicação, porque sinto que o merecem. Penso que esta fase deverá durar mais uns meses (2? 3? Não sei). Assim que consiga ter um tempo e sinta que tenho as minhas energias restabelecidas (não sei quando vai ser pois não vou ter férias este verão), prometo que este vai ser o primeiro campo da minha vida a ter a minha atenção (os outros vão tendo alguma manutenção ainda, apesar de a casa nem sempre estar limpa e arrumada, ter dias que mal tenho tempo para falar com o marido, há dias em que consigo repor o que está atrasado). Este canto é que acaba sempre para ficar para o fim, e quando chega a vez dele estou muito cansada e vou dormir.

Aproveitem o verão (apesar que estou a escrever isto em Agosto e aqui no Porto está a chover), aproveitem as férias – quem tiver disso – para fazerem o que gostam. Descansem, é certo, mas não desperdicem o tempo. Aproveitem muito!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.